Amor cantado engaja a população na luta contra o câncer de pele

  Evitar se expor ao sol entre 10h e 16h, usar chapéus, sombrinhas e protetor solar são medidas essenciais para prevenir a doença

Foto: Divulgação

Criada pela Sociedade Brasileira de Dermatologia, a campanha “Dezembro Laranja” busca conscientizar a população sobre os perigos e a necessidade de proteção contra o câncer de pele - o tumor de maior incidência no país. O fato de o Brasil ser um país tropical facilita a exposição aos raios solares que podem ser prejudiciais à saúde. Para levar esta questão de saúde pública à população, os hospitais geridos pelo Instituto de Medicina, Estudos e Desenvolvimento - IMED se unem à campanha por meio da live Amor Cantado – Acolhimento Musical.

Com a chegada do verão, em 21 de dezembro, é preciso redobrar os cuidados diários, como por exemplo evitar exposição excessiva à radiação solar – raios UVA e UVB, entre 10h e 16h. É muito importante que as pessoas usem protetor solar na pele e lábios, chapéu, boné, sombrinhas e procurem se proteger do sol, em especial em regiões quentes como Goiás. Quem tem tatuagens deve intensificar as atenções para se proteger.

Segundo INCA (Instituto Nacional do Câncer), o melanoma, um dos tipos de câncer de pele mais comum e que corresponde a 30% dos casos no país. Mas quando diagnosticado cedo tem um bom prognóstico de tratamento para os pacientes. Por isso, é de tamanha importância o acompanhamento médico preventivo, pois, quanto mais cedo for descoberto, mais fácil será o tratamento.

“Mesmo com todos os cuidados, é necessária a consulta periódica com os profissionais da saúde para averiguar qualquer tipo de manchas, pintas e sinais na pele. A prevenção e o diagnóstico precoce são os melhores caminhos para a manter a saúde da pele ou realizar o tratamento o quanto antes quando for necessário”, afirma o diretor do IMED, Getro de Oliveira Pádua.

“A detecção precoce do câncer de pelo salva vidas. Por isso, se notar um sinal diferente na pele busque atendimento médico na nossa saúde pública”, disse Hercílio Ramos, engenheiro e cantor voluntário do projeto Amor Cantado. 

A “live” Amor Cantado - Acolhimento Musical -, é transmitida para o Hospital Estadual de Formosa (HEF), Hospital Estadual de Luziânia (HEL), Hospital Estadual de São Luís dos Montes Belos (HESLMB) e pelo Hospital Estadual de Trindade (Hetrin), todos Hospitais do IMED. Além de ser transmitida pelo Youtube através do canal “TV IMED”.